Produção Audiovisual

 Tecnólogo - Semipresencial
  Duração: 02 Anos
  Curso autorizado pela portaria nº 253, de 09 de novembro de 2012.

Luz, câmera, ação! Este curso proporcionará ao aluno produzir filmes e vídeos publicitários, documentais, institucionais e jornalísticos. O aluno poderá se encarregar do roteiro, do figurino, da cenografia, iluminação, edição, direção ou sonorização. Poderá trabalhar em emissoras de TV, organizando a programação, editando e dirigindo programas e equipes de produção. Pode, ainda, trabalhar na captação de recursos para a produção.

O curso Produção Audiovisual configura-se como um espaço para pesquisar, praticar e experimentar tudo que é feito nos bastidores do audiovisual. Direção geral, de fotografia, de arte, cenografia, produção de áudio, edição e tudo que envolve a produção audiovisual. Com aulas dinâmicas e professores que atuam no mercado de trabalho, os alunos são incentivados a criar e inovar.

O mercado de trabalho para esse profissional é amplo. A competitividade entre as empresas nesse ramo cresce a cada dia. Logo, a boa capacitação na área garante um diferencial no currículo daqueles que pretendem ingressar na profissão de Produção Audiovisual. No Brasil o cinema vem crescendo, as produções televisivas são constantemente reinventadas, a publicidade está sempre em busca da inovação. Sem falar no infinito potencial das redes sociais. Ou seja, há muito espaço para trabalhar com produção audiovisual.

Ocupações CBO associadas:

  • 2621-35 – Tecnólogo em Produção Audiovisual (cinema e vídeo).

  • Locais de Atuação:

  • Agências de publicidade.
  • Emissoras de rádio e televisão.
  • Empresas de eventos.
  • Estúdios de cinema.
  • Produtoras de audiovisual.
  • Provedores de conteúdo digital.
  • Instituições de Ensino, mediante formação requerida pela legislação vigente.
  • Roteiro: Adaptar ou escrever histórias originais para a filmagem.

    Pré-Produção: Planejar, organizar e executar as ações necessárias para a filmagem, da captação de recursos à contratação de diretores, atores, técnicos e pessoal de apoio.

    Direção: Coordenar a execução de um filme (ou, como assistente, ajudar o diretor), da aprovação do roteiro e da escolha do elenco até o planejamento da produção, dos figurinos e a edição das cenas.

    Direção de Arte: Definir os aspectos visuais de um filme, escolhendo com o diretor as cores, os espaços e os ambientes das cenas. Coordenar o trabalho de cenógrafos, figurinistas, maquiadores e atores, para garantir uniformidade às cenas.

    Direção de Fotografia: Planejar os ângulos, a iluminação das cenas e operar a câmera durante a gravação, a fim de transmitir as ideias e as emoções definidas no roteiro.

    Captação de Som: Gravar, mixar e editar a trilha sonora do filme, como ruídos e música. Escolher os equipamentos e microfones e tratar acusticamente a locação.

    Montagem (edição): Selecionar e juntar as cenas rodadas para ordenar a narrativa e dar unidade ao filme ou ao vídeo.

    Animação: Criar imagens usando elementos diversos, como desenho, fotografia e computação gráfica 2D e 3D.

    Anderson Craveiro – Cineasta e fotógrafo, graduado em Artes Visuais, especialista em comunicação visual em mídias interativas e mestrando em comunicação.

    Bruno Bergamo – Produtor de áudio, graduado em Ciências Sociais, especialista em cinema e documentários.

    Jônatas Lucas – Jornalista, especialista em mídias digitais.

    Lauriano Benazzi – Comunicador Social, mestre em comunicação visual.

    Marcelo Baraldi – Bacharel em Cinema, cineasta e filmmaker.

    Rafael Ceribelli – Jornalista, cineasta e mestre em comunicação.

    Valdemir Silva – Editor de vídeo e arte finalista, proprietário da empresa Incite FX.

    Open chat